Vacina

Comissão do Amapá faz intercâmbio em busca de informações sobre programas de incentivo à produção de café em Rondônia

Vacinas

Com foco no desenvolvimento rural, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura – Seagri, investe em pesquisas e parcerias para inovar a produção agrícola dos municípios do Estado, prova disso, é o investimento na inovação tecnológica para aumento da produtividade e qualidade da produção dos grãos que estão sendo produzidos em Rondônia, e isso vem chamando a atenção de vários estados da região Norte do país, como é o caso do Amapá, que veio com uma comissão de deputados para conhecer um pouco dos programas que estão sendo executados nas lavouras cafeeiras de Rondônia.

O deputado Paulo Nogueira, que é presidente da Comissão da Agricultura da Assembleia Legislativa do Amapá explicou o motivo da visita a Rondônia. “Ficamos encantados com tudo que ouvimos falar da produção do café, por isso estamos aqui para buscar informações de como o Estado trabalha as políticas públicas junto aos cafeicultores. Queremos levar este modelo que está dando certo em Rondônia para implantar no Estado do Amapá”, comentou.

O governador de Rondônia, Marcos Rocha ressalta que, o concurso de Qualidade e Sustentabilidade do Café de Rondônia – Concafé, abriu as portas do Brasil e do mundo para a produção dos cafés robustas de Rondônia, os agricultores foram motivados a investirem na qualidade da produção, por meio da modernização do manejo das lavouras. “Hoje o Concafé, é o maior concurso de qualidade de Café Robusta do Brasil e está na 7ª edição. Em 2021, o Estado foi campeão nacional com os melhores cafés robustas do país, e ainda tivemos a conquista da primeira Identificação Geográfica de Café Robusta do mundo, isso é motivo de muita alegria para o setor”, destacou.

De acordo com secretário da Seagri, Luiz Paulo, os investimentos feitos na produção cafeeira nos últimos anos têm elevado Rondônia ao patamar dos grandes produtores de café do país. “Tivemos uma evolução da produção nos últimos 12 anos de acordo com a Conab, em 2010 a produção era de 1,5 mil sacas de café, já em 2022, a produção saltou para 2,8 milhões de sacas de café e com a produtividade de 45 sacas por hectare, isso mostra que estamos no caminho certo, e que vale a pena todo o investimento em pesquisas e assistência técnica”, salientou.

Comissão da Agricultura da Assembleia Legislativa/AP

Para a deputada Edna Auzier, que é presidente do Parlamento Amazônico do Amapá, a vinda ao Estado de Rondônia, representa uma parceira futura, tanto na produção como comercialização dos grãos finos de café que estão sendo produzidos por aqui. “Pretendemos conhecer todo o sistema da produção do café e do cacau, que também vem ganhando destaque na região, queremos levar todo conhecimento para implantar o modelo que se tornou referência para outros estados”, observou.

De acordo com secretário adjunto da Seagri, Janderson Dalazen, o Governo de Rondônia está investindo no “Projeto Estadual de Avaliação e Melhoramento Genético de Clones de Café em Rondônia e a perspectiva é elevar ainda mais a cadeia produtiva da cafeicultura, com maior destaque na quantidade, qualidade e sustentabilidade, possibilitando assim, desenvolver cultivares clonais mais resistentes ao ataque de pragas, boa qualidade de bebida e alta produtividade, resultando em um ganho econômico pela redução do uso de agrotóxicos e de outros custos de produção. “Já recebemos a visita da equipe do Acre e agora a do Amapá, é muito gratificante saber que todo trabalho que está sendo desenvolvido no setor do café se tornou referência a outros estados. Este projeto foi elaborado com o objetivo de valorizar os clones de café desenvolvidos pelos produtores e viveirista de Rondônia e que tem transformado a cafeicultura do Estado”. finalizou.

No dia 14 de abril, no município de Alta Floresta, acontecerá o lançamento da colheita da safra de 2023, palco para o lançamento do livro Robustas Amazônicos: Os cafeeiros, cultivados em Rondônia, uma parceria do Governo do Estado e a Embrapa.

Vacinas

Compartilhe

Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br