Vacina

Convênio firmado entre Governo do Estado e Embrapa executa projeto para melhorar a cadeia produtiva do leite em Rondônia

Vacinas

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura – Seagri, firmou convênio com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, para execução do projeto de Pesquisa e Transferência de Tecnologia para Cadeia Produtiva do Leite do Estado de Rondônia, Transtec. O projeto é orçado em R$ 3,2 milhões, e tem foco na melhoria do manejo reprodutivo, pastagens e qualidade do leite. Com a incidência da pandemia, houve a paralisação da pesquisa em 2020 e 2021, fazendo com que a Embrapa reprogramasse o início do trabalho para 2022.

Transtec possui sinergia com outros projetos apoiados pelo Fundo PROLEITE, que de maneira conjunta visam alcançar o objetivo único, que é a melhoria e avanços na cadeia produtiva do leite, agregando produtividade e valor a seus produtos  derivados.

PESQUISAS E TECNOLOGIAS

O coordenador do Transtec,  Rhuan Amorim de Lima, explicou que há pesquisas com manejo reprodutivo do rebanho, trabalhos com pastagens para viabilizar o cultivo de forrageiras mais resistentes e produtivas frente ao desafio de Rondônia, a exemplo de doenças e pragas comuns na região. O trabalho da Embrapa é ofertar ao produtor soluções e tecnologias validadas para as condições reprodutivas do Estado.

No aspecto da produção do leite, Rhuan detalhou que, há pesquisas ao longo de toda cadeia, desde a ordenha até o armazenamento, transporte e industrialização.  “Produzimos um volume de leite e os produtores buscam aprimorar a qualidade e agregar valor aos produtos lácteos no Estado. Temos parceiros que vão desde os produtores às indústrias e laticínios, que  nos permitem estudar toda a cadeia do leite, identificando os pontos críticos para melhoria da qualidade”, acrescentou.

Para o governador de Rondônia, Marcos Rocha, com os programas de pesquisa e qualificação da produção do leite, é previsto uma significativa melhora na produtividade do Estado. “Rondônia no futuro estará em pé de igualdade a outros grandes estados produtores de leite. Temos vocação, técnicos empenhados e um povo trabalhador”, disse.

AÇÕES DO TRANSTEC

Trabalhos com pastagens viabilizam cultivo de forrageiras mais resistentes e produtivas

Ainda sobre oTranstec, a Embrapa fará cursos de capacitação, dias de campo e escolherá 11 unidades de referência tecnológica em Rondônia para servir de vitrine aos demais produtores. Entre os critérios para escolha dessas propriedades estarão o acesso, o perfil do produtor, o interesse na participação, pesquisa e autorização para visitas de outros produtores.

O secretário de Estado da Agricultura, Luiz Paulo espera que ao final do período de estudos do programa financiado pelo Fundo PROLEITE, a produção de leite alcance níveis de produtividade e qualidade, melhorando assim, o preço para o produtor. “O Transtec é um programa de pesquisa que visa melhorar a cadeia produtiva. É mais uma ação da Seagri, através do PROLEITE, para transformar a agropecuária”, concluiu.

Vacinas

Compartilhe

Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br