Arigurte

Desfile de biojoias marca o Dia Estadual de Mobilização para Controle da Hanseníase nesta sexta-feira

Vacinas

A partir das 19h desta sexta-feira (7), a Agência Estadual de Vigilância em Saúde – Agevisa em parceria com a Organização não Governamental holandesa NHR Brasil, promove a segunda edição do Desfile Inclusivo Contra o Estigma, do Art’s Biohans, evento que vai exibir biojoias confeccionadas por pessoas que são pacientes ou passaram pelo tratamento contra a hanseníase e encontraram no artesanato biossustentável, um meio de geração de renda, inclusão social e enfrentamento ao estigma que a doença ainda causa. O evento acontece no shopping da Capital.

Por meio da Agevisa, foram criados vários grupos de autocuidado destinados ao atendimento às pessoas acometidas pela hanseníase. O diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório de Lima disse que, “o projeto Art’s Biohans objetiva potencializar as habilidades dessas pessoas, e para dar maior visibilidade, incluímos o desfile no calendário anual de atividades. A Agevisa tem intensificado suas ações, com o objetivo de alertar a população sobre sinais e sintomas da doença, estimular a procura pelos serviços de saúde e mobilizar profissionais de saúde na busca ativa de casos, favorecendo assim o diagnóstico precoce, o tratamento oportuno e a prevenção das incapacidades.

PROGRAMA ESTADUAL

Em Rondônia, o Programa Estadual de Controle da Hanseníase começou a ser estruturado na década de 90, graças ao compromisso da enfermeira Wally Hirschmann, tornando-se um marco na história da implementação da política pública de controle da doença. Com sua competência e dedicação, a profissional conduziu Rondônia a conquistas importantes, trazendo ao Estado o reconhecimento como referência nacional e internacional em reabilitação física na hanseníase.

A hanseníase é uma doença crônica, transmissível e de notificação obrigatória. Possui como agente etiológico o Mycobacterium leprae, capaz de infectar grande número de indivíduos, apesar da baixa patogenicidade poucos adoecem. Tem predileção pela pele e nervos periféricos, o que lhe confere alto poder de causar incapacidades e deformidades físicas, principais responsáveis pelo estigma e discriminação às pessoas.

Vacinas

Compartilhe

Almi Coelho

Almi Coelho

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens. Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível.

Para mais informações sobre e-mail
[email protected] whatsapp(69)984065272

Comentários

Feito com muito 💜 por go7.com.br